FBRFITNESS (1).png
animation (4).gif

TREINO DE PERNAS, O FAMOSO LEGDAY.

Atendendo a pedidos, hoje o post será sobre treino de pernas (legday).

Gostaria de aproveitar a oportunidade e pedir para que vocês me contassem mais sobre o que vocês gostariam de saber, e assim que possível eu vou postando aqui informações sobre suas dúvidas. Deixem seus comentários no post! Ajuda muito a nos direcionar nos conteúdos que interessam vocês de verdade!

Mas chega de enrolar, jovem. Vamos logo ao que interessa.

Será que existe algum segredo diferente para desenvolver as pernas?

A resposta é sim e não, jovem.

Como assim Fábio!? Ou é sim ou é não!!!

Pois é, vou explicar.

Sim, porque a perna é um dos músculos mais extenuantes de se treinar, então você precisa ter uma mente muito forte para suportar a dor de treinar esse grupo muscular até a falha concêntrica em todas as séries, levando assim, seu músculo à completa exaustão.

Eu costumo dizer que, o treino de perna é onde a criança chora e a mãe não vê!!!


O treino de pernas é um dos que mais desgasta o seu sistema metabólico como um todo. A fadiga global é brutal!!!

Costumo dizer também que, se você está treinando pernas e não esta com vontade de vomitar, está errado!!! O enjoo vem da fadiga, somada ao "sobe e desce" de alguns exercícios, com uma pitada especial de dificuldade de respirar continuamente nos movimentos.

O treino de perna, antes de tudo, é um treino mental, de quanta dor, falta de ar e enjoo você consegue suportar.

Mas, voltando a pergunta, a resposta é não, porque a perna, como todos os outros grupos musculares, você tem que treinar da maneira mais intensa possível, fazendo com que você chegue à falha concêntrica em todas as séries como qualquer outro grupo muscular (Leia o post “FALHA CONCÊNTRICA”).

O que diferencia a perna, é que pelo fato de ela ser muito forte, você consegue, e precisa para desgasta-la, imprimir uma Carga de Treino muito maior que outros grupos musculares!!!

Isso se reflete em um stress metabólico global brutal, mas se você reparar na musculatura da perna em si, verá que elas terminam a sessão de treino tão desgastadas quanto qualquer outro grupamento muscular. Com uma ressalva especial para a dificuldade em sair da academia após o treino e o desafio absurdo que se torna subir escadas!!! Hahaha!!!

Outro detalhe interessante, é que como se imprimi uma intensidade muito alta e um stress metabólico global gigantesco, você aumenta muito consideravelmente o seu EPOC (consumo de oxigênio pós esforço) o que é especialmente interessante em treinos para definição (leia “TREINO PARA DEFINIÇÃO” e “DIETA E SUAS VARIÁVEIS INSEPARÁVEIS”).

Na minha opinião, a base do treinamento de perna são os exercícios multiarticulares, tanto livre, quanto o no Smith e máquinas. Eles são ótimos para criar volume e densidade nas pernas, na fase de bulking, e excelentes pelo alto gasto energético no treino na fase de cutting (a Dra. Alessandra Narchi falará melhor sobre bulking e cutting em outros post).

Então é isso, vá pra academia, feche a cara, e ponha pra derreter as pernas!!!

Deixe um balde por perto, porque nunca se sabe quando você vai “chamar o Raul” pra treinar pernas com vc!!!

Eu sou o Professor Fábio Rocamora, Personal Trainer, Coach e Bodybuilder fundador da FBR FITNESS e idealizador do PROJETO KING SIZE.


Quer saber mais?


Se cadastre no nosso site e receba todas as novidades!!! é Grátis!!!


Se inscreva na página do Facebook , no canal do Youtube , Instragram e fique sempre por dentro das novidades!!!


Confira nossos curso do PROJETO KING SIZE, se cadastrando você tem acesso a materiais GRATUITOS EXCLUSIVOS!!!


Grande abraço e sucesso!!!

0 visualização
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram

© 2020 por FBR FITNESS.